Vocês provavelmente não sabem, mas eu tenho uma paixão secreta por escrever musiquinhas MIDI no computador. Seria uma paixão herdada dos tempos de jogatinas frenéticas de video-game? Não sei, mas vota em mim que eu te conto. Esta paixão data de meados de 2005 quando eu começava a engatinhar na minha formação musical (não que eu possa me considerar adulto agora :). Eu, guitarristinha juvenil, naturalmente descobri a magia das tablaturas de guitarra e o excelentíssimo GuitarPro 4 Demo, que naquela época dava o que falar.

De tanto brincar com o programinha acabei adquirindo uma certa destreza e afeição por este jeito peculiar de escrever música e estes dois só aumentaram com as subsequentes versões da ferramenta. É claro que este programinha têm um preço em $ (e bem salgado) o que tornava um saco ter que usar versões demo ou “alternativas”. Note, porém, que este texto está conjugado no passado por um motivo.

Lá pelos arredores de 2008 descobri este software absurdamente perfeito chamado TuxGuitar. Oh yeah, um clone livre como a liberdade do GuitarPro e que sabe manipular a maioria dos formatos de tablaturas encontrados por ai. Sejamos justos, ele não tem uma penca de features do GuitarPro (principalmente com esta versão 6 aí que eu nem estou familiarizado), mas quem usa sabe que ele é ótimo para escrever tablaturas. O que eu posso fazer, eu curto simplicidade. Tem versões pra Linux, Windows, Mac, torradeira, etc, etc

Timidity

Chega de falar do Tuxguitar, a segunda dica é mais para os irmãos do Linux. A verdade é que som nesse mundinho dos pinguins é uma bagunça, a coisa toda é um nojo e não dá pra ser feliz. Nos últimos dias me deparei com as argúrias de usar arquivos midi em diferentes computadores e com a inabilidade do Ubuntu de tocá-los corretamente. Bom eu cheguei numa solução que me deixou bastante feliz.

O Timidity++ é um programinha cabreiro que após instalado serve como backend para tocar os midis no Linux. Este fato por si só não resolve todos os problemas e embora provavelmente você consiga tocar todas as suas musiquinhas depois de instalá-lo pode acabar notando (como eu notei) que alguns insrtumentos não são sintetizados corretamente e a nossa música fica um lixo.

O que me leva a esta dica. Instalar soundfonts boas vai aumentar consideravelmente a qualidade do som produzido. Eu estou usando de maneira satisfatória estas aqui (mais precisamente a primeira).

Ok, mas o que acontece quando levamos o MIDI para um computador diferente? Ele vai tocar como lixo? Hah!

timidity seumidi.mid -Ov # cria um arquivo seumidi.ogg
timidity seumidi.mid -Ow # cria um .wav que pode ser encodado para .mp3
timidity seumidi.mid -OF # cria um .flac

Arquivos ogg, wav ou flac não vão ter este problema, mas é claro são muito mais pesados que os singelos midi.

Para questão de comparação vou disponibilizar um experimento feito com o output de arquivos .ogg no Timidity. Note que a o som que você está ouvindo foi sintetizado por diferentes computadores dependendo do arquivo que você escutar (no caso o meu para o .ogg e o seu para o .mid)

To liberando a música, que se chama Road to Babylon sob Creative Commons 3.0 caso alguém se importe :)

Curtiram o post? Leave your creative or interesting answers in the comments section belooooooooow

Você provavelmente curtirá: